24 HORAS

24 horas. Esse é o número de horas que é dado a cada um, todo dia. E cada um tem o livre-arbítrio de decidir o que fazer com esse tempo. Uns gastam a maioria trabalhando, outros estudando, outros dormindo e outros gastam seu tempo com nada. Não importa se você usa ou não, eles não podem ser reutilizáveis.

Hoje em dia, o que mais se vende junto a um produto, é algo chamado TEMPO. Todos querem vender alguma coisa que: facilita sua vida, que é rápido, que não gasta muito tempo, ou que faz você ter mais tempo para outras coisas. Porém ao invés de termos mais tempo, acontece o inverso, e cada vez mais temos mais coisas para fazer, porém o tempo é o mesmo. E a parte desse tempo que é dedicado para Deus vai encolhendo mais e mais, e acabamos chegando ao ponto em que não conseguimos mais administrar nosso tempo, justamente por que passamos a diminuir a nossa consulta com Aquele que entregamos a nossa vida, e nisto está incluído nosso tempo.

O tempo é uma área onde o inimigo tem investido bastante para complicar a vida das pessoas, entre elas os cristãos. Usando todos as estratégias possíveis para nos encher de coisas para fazer e conseqüentemente diminuirmos o nosso tempo com Deus, pois ele sabe que se diminuirmos o nosso tempo com Deus acabamos nos enfraquecendo e ficamos vulneráveis às investidas do inimigo. E de forma lenta e imperceptível acabamos descendo ao fundo do poço, pois não tivemos tempo nem para nos percebermos desse fato.

Até mesmo fazendo a obra do Senhor poderemos estar percorrendo o caminho certo, porém de forma errada. Como? Quando nos tornamos “máquinas religiosas” designadas a fazer algo para o Reino, porém sem propósito algum, e o tempo para “fazer” a obra aumenta enquanto o tempo com Dono da obra diminui. E o resultado disso é o desânimo, enfado e falta de comprometimento verdadeiro, pois não podemos dar em abundância aquilo que recebemos pouco.

E se eu tiver um bom tempo de comunhão com Deus e estiver firmado somente nEle, isso vai fazer com que o meu número de atividades diminua? Ou o meu tempo vai aumentar?

A resposta é não!

Deus pode não mudar o dia para 30 horas, ou diminuir o seu número de atividades, mas Ele pode te dar sabedoria e discernimento para administrar aquilo que você tem durante as 24 que te foram dadas. Ás vezes é necessário “criarmos tempo” para termos um momento com Deus, como, por exemplo, acordar mais cedo, ou ir dormir mais tarde, e todo esse esforço feito com amor será retribuído. O tempo com Deus jamais é perdido, pelo contrário, dedicar tempo a Deus é o melhor investimento que podemos fazer.

“Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas” Mateus 6:33.

O versículo acima fala de colocar o Reino de Deus como prioridade em nossas vidas, e se fizermos isso, Deus acrescentará em nossas vidas aquilo que necessitamos, mas com uma condição: colocá-lO em primeiro lugar durante todo o nosso dia, e dedicarmos um tempo exclusivo para Ele. Dessa forma saberemos o que será necessário fazer naquele momento do dia, o que decidir naquela hora e o que realmente é prioridade.

“Os meus tempos estão nas tuas mãos;” Salmo 31:15a

Vamos entregar o nosso tempo nas mãos do Senhor, ainda que isso exija um tempo de nós.

Mais palavras que abençoam

Quem crê no Filho tem a vida eterna; já quem rejeita o Filho não verá a vida, mas a ira de Deus permanece sobre ele".
Visite também: informedigital.com.br e pregacoesonline.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.